LULA PEDIU AJUDA A RENAN PARA COOPTAR SENADORES

O ex-presidente Lula pediu “ajuda” ao presidente do Senado, Renan Calheiros, terça (26), para atuar junto a senadores “cooptáveis” pelo governo. 

Lula dá como certa a aprovação da admissibilidade do impeachment, prevista para o dia 11, com o consequente afastamento da presidente Dilma. 

Mas sua meta é atingir os 28 votos que o governo precisa para impedir a condenação de Dilma, no julgamento final. 
DP