Adriana Ancelmo era conhecida como ‘madrinha’ por magistrados

No material apreendido pela Polícia Federal do Rio, Adriana Ancelmo era chamada de “madrinha” por altos magistrados do Rio e Brasília.