Mãe de sertanejo apresenta nova versão de briga

O caso da suposta agressão do cantor Victor Chaves, 41, a sua mulher, Poliana Bagatini, 29, ganha um novo capítulo a cada dia. 

Além da companheira do sertanejo negar em carta aberta ter apanhado do músico e de ele ter negado a agressão, a mãe de Victor, Marisa Chaves, 65, apresentou nova versão sobre os fatos. 

Na sexta-feira (24), mesmo dia em que a nora registrou um boletim de ocorrência, ela também procurou a Polícia Civil para denunciar a Poliana. Conforme reportagem da TV Globo exibida nessa segunda-feira (27), consta em um boletim de ocorrência registrado por Marisa em uma delegacia da região Centro-Sul de Belo Horizonte, que Poliana chegou ao apartamento, no bairro Luxemburgo, também na Centro-Sul, bastante transtornada por volta das 11h30 de sexta-feira, fazendo ameaças, falando muitos palavrões e quebrando vários objetos. 

Ainda segundo a reportagem, Victor teria tentado acalmar a mulher, já que ela queria pegar a filha de um ano do casal e ir embora. 

Na versão de Marisa, o cantor segurou Poliana pelo braço e pediu que ela se acalmasse. Neste momento, a mãe relatou que Poliana se jogou no chão e ficou se debatendo. 

Então, Poliana conseguiu pegar a filha e foi amparada por uma vizinha. Para tentar esclarecer os fatos, a Polícia Civil vai analisar as imagens do circuito interno de TV do prédio e também será fundamental o depoimento dessa testemunha. 

Procurada pela reportagem nessa segunda-feira (27), a assessoria de imprensa da corporação informou que não vai dar detalhes sobre o caso e que todos os envolvidos serão intimados à delegacia para prestar depoimento. 
ig