Delação de Paulo Preto vai complicar a vida de caciques tucanos

Acusado pelo doleiro Adir Assad de receber 100 milhões de reais, Paulo Vieira de Sousa, o Paulo Preto, vai dizer que José Serra e Aloysio Nunes Ferreira sabiam de tudo e confessar sua participação nas reuniões dos acertos. 

Mas negará que recebeu o dinheiro. Segundo ele, o encarregado disso era o ex-deputado Márcio Fortes. 
ROL