INDIGNAÇÃO

O presidente do TSE, ministro Gilmar Mendes, está indignado com os vazamentos de depoimentos da Odebrecht. 

Quer investigação rigorosa. Lembra que é crime vazar informações protegidas por sigilo judicial. 
DP