O jeitinho de Temer para rebater qualquer questionamento

Com a personalidade que lhe é peculiar, Michel Temer reforçou que vai manter o limite de idade para a aposentadoria em 65 anos. 

Numa reunião com líderes do governo na última segunda (6), ouviu de um aliado que sua base eleitoral, formada por trabalhadores rurais, não suportaria tal imposição. 

O presidente, como de costume, não rebateu a crítica, optando por uma resposta enviesada. Disse crer que o limite é a mudança mais necessária para fazer uma reforma eficaz. 

Mas que qualquer tópico será decidido após conversa entre o governo e a base. Em bom português, sabe-se que a opção de Temer é a que vale. 
ROL