Após briga com auxiliar do Barcelona, Neymar teria dito: "se ele ficar, eu saio"

A suposta discussão entre Neymar e o auxiliar do Barcelona, Juan Carlos Unzué, tem dado o que falar na mídia espanhola. 

A mais nova repercussão, segundo o jornal local "Mundo Deportivo", é de que o jogador teria ficado extremamente irritado com a situação, a ponto de dar um ultimato ao clube. "Se ele ficar, eu saio", teria dito Neymar, já que Unzué era um dos possíveis candidatos para substituir o atual treinador Luis Enrique na próxima temporada. 

De acordo com a publicação, as palavras do brasileiro já chegaram até os diretores do clube catalão e após o episódio, o nome do auxiliar e braço direito do técnico espanhol já teria sido descartado. 

Discussão 

Neymar e Juan Carlos Unzué teriam tido uma discussão fervorosa no dia 4 de maio, durante um treino no Camp Nou . 

Segundo as informações do "Mundo Deportivo", o brasileiro não teria aceitado os apontamentos feitos pelo assistente técnico. Então, a conversa teria aumentado o tom e Unzué teria ainda dito que o jogador deveria "se concentrar mais em sua carreira", pois tem o potencial para estar em um patamar mais alto. 

O camisa 11 não gostou nem um pouco e a discussão precisou ser interrompida por um outro membro do clube. 

De acordo com o também jornal espanhol "Marca", o auxiliar técnico teria ainda usado Ronaldinho Gaúcho como um dos exemplos a não serem seguidos por Neymar. Segundo o assistente, o ex-jogador do Barça, apesar de craque, teria parado com os treinamentos intensivos e piorado seu desempenho. 
IG