Maternidade Escola oferece atendimentos em Mutirão da Rede EBSERH

A Maternidade Escola Januário Cicco (MEJC), da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), realizou nesta quarta-feira, 31, 50 exames de mamografia e 100 de ultrassonografia em ação coletiva do 2º Mutirão Nacional da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH). 

Com número recorde de atendimentos, o Mutirão mudou a vida de muitas pessoas em todo o país, com atendimentos gratuitos à população. Promovido pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), o evento foi realizado nos 39 hospitais universitários federais filiados à estatal vinculada ao Ministério da Educação, nas cinco regiões do Brasil. 

Para Maria da Guia de Medeiros, gerente de Atenção à Saúde da Maternidade, a realização do mutirão é fundamental para a redução da fila de espera da rede do Sistema Único de Saúde (SUS). “Ações como essa possibilitam o acesso aos serviços de uma maneira muito mais rápida. Nós temos pacientes aqui hoje que aguardam cerca de um ano para realizar os exames e isso só vem a ajudar e a contribuir para o funcionamento da Rede do SUS”, afirmou. 

No Rio Grande do Norte, além da MEJC, existem duas outras unidades hospitalares filiadas à EBSERH, o Hospital Universitário Onofre Lopes (HUOL) responsável por 2.413 atendimentos distribuídos nas especialidades de endocrinologia e oftalmologia e o Hospital Universitário Ana Bezerra (HUAB), em Santa Cruz, que direcionou 1.586 pacientes aos serviços de cirurgias ginecológicas e exames, e a ações educativas. Juntas, as três instituições realizaram 4.149 procedimentos.