Reajuste do Bolsa-Família será de 1%

O governou finalmente fechou a conta. O reajuste do Bolsa-Família, previsto para entrar em vigor a partir de julho, será de 1% , mais a inflação. 

Menos de dois meses após sua posse, Temer anunciou o primeiro reajuste da Bolsa em dois anos: aumento médio de 12,5%. 
ROL