RPTV/Currais Novos comemora sete anos de atuação com ações audiovisuais nas escolas

A Rede Potiguar de Televisão Educativa e Cultural – RPTV completa, neste mês de junho, sete anos de atuação em Currais Novos. 

Para marcar a data, uma série de oficinas de produção audiovisual foi pensada para ser desenvolvida ao longo de todo o ano letivo. 

A proposta da RPTV é realizar um trabalho em rede visando à documentação e difusão de práticas educativas transformadoras; As ações da TV também têm o foco no protagonismo dos atores locais. 

Os adolescentes e jovens, que freqüentam o projeto, participam de todas as etapas de produção de peças de comunicação e veiculação e passam a ser multiplicadores do conhecimento. 

As ações do projeto, em estúdio, acontecem de forma sistemática nos turnos: vespertino e noturno (de segunda a sexta-feira) e também aos sábados. Além da produção de conteúdo, a RPTV realiza também ações com escolas e com a comunidade. 

Aos estudantes da rede pública de educação de Currais Novos, são oferecidas exibições de filmes, debates e contações de histórias. 

Todas essas ações são coordenadas pelos estudantes, que freqüentam o projeto no contra-turno escolar. Ainda neste semestre os estudantes, juntamente com a educadora Ana Paula Lopes, que coordena o núcleo local, promoverão oficinas de Roteiro, Reportagem, Captação de Imagens e Edição para estudantes do Ensino Médio da Escola E. Cap. Mor Galvão. 

A iniciativa faz parte das ações do Projeto de Inovação Pedagógica, PIP, que é desenvolvido na escola. 

A RPTV é uma iniciativa da Secretaria de Estado da Educação- SEEC, 9ª DIRED, em parceria com o Centro de Documentação e Comunicação Popular. Em Currais Novos o Canal 51 conta com o apoio da CAERN, que cede o local para o funcionamento do projeto.