ARRECADAÇÃO NÃO JUSTIFICA SUSPENDER PASSAPORTES

O governo federal faturou R$ 347 milhões com a emissão de passaportes somente nos primeiros seis meses deste ano. 

O valor arrecadado desmente a versão de “falta de dinheiro” para justificar a suspensão dos serviços. 

Isso representa um aumento de mais de 20% em relação ao mesmo período de 2016. Poucos negócios rentáveis no Brasil registraram crescimento tão expressivo, em tempos de crise. 
DP