Conselho de Segurança da ONU na mira do governo Bolsonaro

A reivindicação por um assento permanente no Conselho de Segurança da ONU deve voltar ao topo da agenda da política externa no governo de Jair Bolsonaro. 

O tema foi tratado em encontro, hoje à tarde, entre Bolsonaro e o embaixador da Índia no Brasil, Ashok Das. 

Participaram da reunião o general Heleno e o ministro extraordinário para a transição, Onyx Lorenzoni. Também falaram de parcerias estratégicas e da próxima reunião do BRICs, em 2019, que será no Brasil. 
Antagonista