'No que depender de mim, não tem mais demarcação de terra indígena'

O presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), voltou a dizer, em entrevista ao Brasil Urgente, da TV Bandeirantes, que, se depender dele, não haverá mais demarcação de terras indígenas no país. 

"Eu tenho falado que, no depender de mim, não tem mais demarcação de terra indígena", disse Bolsonaro nesta segunda-feira (5) ao apresentador José Luiz Datena . 

"Afinal de contas, temos uma área mais que a região Sudeste demarcada como terra indígena. E qual a segurança para o campo? Um fazendeiro não pode acordar hoje e, de repente, tomar conhecimento, via portaria, que ele vai perder sua fazenda para uma nova terra indígena", disse. 

Segundo Bolsonaro, as reservas existentes foram "superdimensionadas" e "não tem como mexer", mas afirmou que o que vier a fazer é "com o aparato da lei". "Índio é um ser humano como nós. Ele quer empreender, quer luz elétrica, quer médico, quer dentista, quer um carro, quer viajar de avião", disse. 
NM