TCU ANTECIPA O ‘RECESSO’ E O ESTICA PARA 45 DIAS

O Tribunal de Contas da União (TCU) deve ter fechado para balanço. 

Na mesma sessão em que arquivou a investigação sobre acusações como de tráfico de influência contra os ministros Raimundo Carreiro, presidente, e seu antecessor Aroldo Cedraz, o TCU deu outro tapa na cara do cidadão: antecipou em duas semanas, para o dia 6, o “recesso” de fim de ano. 

Só retornam ao trabalho 45 depois, em 24 de janeiro. 
DP